Notícias

Em Rio do Sul, primeira-dama do Estado apresenta trabalho da Rede Laço e capacitação para projetos voltados ao Terceiro Setor

Em agenda no município de Rio do Sul nesta quinta-feira, 26, a primeira-dama do Estado, Késia Martins da Silva, apresentou o trabalho da Rede Laço de Voluntariado e fortaleceu a parceria para estimular ações e projetos que visem o desenvolvimento do Terceiro Setor em Santa Catarina. Uma oficina para elaboração de projetos ocorre até esta sexta-feira, 27, no campus da Unidavi e conta com 37 representantes de instituições locais.

A presidente da Rede Laço explica que o objetivo é capacitar e desenvolver a criatividade dos representantes de organizações para que consigam desenvolver projetos aptos a acessar recursos para as instituições. "A metodologia foi criada por profissionais com excelente capacidade técnica e está aí para ajudar a desenvolver o Terceiro Setor. Com projetos bem feitos e inovadores, as instituições poderão acessar cada vez mais recursos que podem ser, por exemplo, de emendas parlamentares, editais nacionais e até internacionais", salienta Késia Martins da Silva.

Entre os compromissos na cidade que é uma das mais importantes do Alto Vale do Itajaí, o trabalho e as ações da Rede Laço foram apresentadas pela primeira-dama durante um almoço com representantes do Núcleo da Mulher Empresária e outras lideranças femininas de Rio do Sul. O prefeito de Rio do Sul, José Thome; a primeira-dama do município, Scheila Nardelli; a vice-prefeita, Karla Miguel e outras autoridades estavam presentes.

Já no período da tarde, a agenda reservou espaço para uma oficina de capacitação com o objetivo de ajudar instituições e organizações sem fins lucrativos na elaboração de projetos para captação de recursos.

O Reitor da Unidavi, Alcir Teixeira, agradeceu a visita da primeira-dama e fez questão de frisar que é a primeira vez que isso ocorre em 55 anos de história da Instituição. Também estendeu agradecimentos ao governador Carlos Moisés pelas ações de valorização do ensino e da educação catarinense. "É um olhar que nenhum outro governo teve", pontuou. Para o reitor, as parcerias nas áreas social e da educação, fortalecem a instituição, o Estado e o governo. "Estamos muito felizes em contribuir com o trabalho da Rede Laço. A Unidavi é uma instituição comprometida com as causas comunitárias e esta é uma parceria onde todos ganham, inclusive o governo ao ver seus propósitos atendendo aos pleitos da sociedade para melhorias das condições de vida", afirma.

Também participaram da solenidade de abertura da oficina de elaboração de projetos o secretário adjunto da Secretaria de Estado da Educação (SED), Vitor Balthazar; a vice-reitora da Unidavi, Prof.ª Dr.ª Patrícia Pasqualini Philippi; pró-reitor de Pesquisa, Extensão e Inovação, Prof. M.e Charles Hasse e demais professores da instituição.

Késia Martins da Silva finalizou a agenda em Rio do Sul com a participação na Conferência Municipal de Desenvolvimento Social, na Obra Kolping. Na oportunidade, a primeira-dama aproveitou para conhecer os projetos desenvolvidos na instituição.

A Obra Kolping

A Obra Kolping de Santa Catarina é uma associação sem fins econômicos, de caráter privado e natureza filantrópica, que tem por finalidade, promover, organizar e prestar assistência social, educacional, cultural, econômica, moral e profissional, a indivíduos, famílias e grupos. Destaca-se também a atuação para preservar e promover a ecologia, o meio ambiente e a agricultura.


Clique aqui para ler a matéria
Rede Laço e Fapesc promovem capacitação para projetos inovadores e captação de recursos para o terceiro setor

A Rede Laço de Voluntariado, com o apoio da Fapesc, promoveu neste sábado,14, um dia de estudos e trabalho com foco na criação de projetos inovadores voltados à captação de recursos para as ações do Terceiro Setor. Com um público de aproximadamente 45 pessoas da região da Grande Florianópolis, gestores, voluntários, técnicos de entidades e organizações participaram da aula presencial e de uma oficina sobre o tema.

A presidente da Rede Laço e primeira-dama do Estado, Késia Martins da Silva, afirma que o objetivo é capacitar e desenvolver a criatividade dos representes de organizações para que consigam desenvolver projetos aptos a acessar recursos para as instituições, por meio de editais nacionais e até internacionais, bem como de emendas parlamentares voltados às entidades sem fins lucrativos.

“A parceria com a Fapesc veio para somar e ajudar a desenvolver o Terceiro Setor em Santa Catarina. Além dos profissionais experientes e qualificados, a instituição é referência em pesquisa e inovação. Queremos transformar tudo isso em uma oportunidade de recursos para as entidades. Com projetos inovadores, elas poderão acessar os editais com mais autonomia, acelerando o desenvolvimento do setor",  frisa Késia.

Presente nas mais diversas realidades, o tema inovação é uma das pautas mais importantes da Fapesc. Para o presidente da instituição, Fábio Zabot Holthausen, a parceria com a Rede Laço fortalece a presença e a responsabilidade social do Estado. "Essa cooperação está proporcionando uma integração maior no ambiente da inovação social, permitindo que a gente auxilie as entidades a se qualificarem para submeterem suas propostas à captação de recursos, a buscarem fontes de recursos para viabilizar a sua ação social dentro do escopo de atuação de cada organização”, reforça.

Antes do encontro presencial deste sábado, uma aula virtual já ocorreu na quinta-feira, 12. A programação conta ainda com mais um encontro virtual e na terça-feira, 17, ocorre o encerramento da capacitação na etapa da Grande Florianópolis.

Clique aqui para ler a matéria
Em Florianópolis, Campanha Cobertor Solidário arrecada doações para famílias e Pets

Para marcar o encerramento da campanha Cobertor Solidário, em Florianópolis, a Rede Laço promove nesta quarta-feira, 30, um drive thru para receber doações. Dessa vez, além de ajudar famílias em situação vulnerável, as pessoas também poderão fazer doações de itens para os pets, ou seja, o cobertor que não está em condições de uso pode ser entregue mesmo assim, porque servirá para aquecer animais que também sofrem com a chegada das baixas temperaturas. O ponto de coleta será no Centro Integrado de Cultura, das 10 às 14 horas.

A primeira-dama do Estado e presidente da Rede Laço de Voluntariado, Késia Martins da Silva, destaca que a ação é uma demonstração de responsabilidade com outra causa importante. "Estamos muito felizes que em uma única ação vamos ajudar às famílias, sem esquecer dos animais que também ficam vulneráveis ao frio mais intenso. Aquela peça usada, que muitas vezes acaba sendo descartada, ainda pode ser útil e servir para proteger os animais. Toda doação será bem-vinda", afirma Késia Martins da Silva.

A ação em Florianópolis conta com a parceria da ONG Faça o Bem que Você Pode. A organização, que atende aproximadamente 1,2 mil animais abandonados, ficará responsável por destinar as doações.

Arrecadação nos municípios

Pelo Estado, a expectativa é de que este dia 30 de junho seja marcado por mais doações. Os cobertores poderão ser entregues nos locais indicados pelos parceiros da campanha, como escolas estaduais e as unidades do Corpo de Bombeiro Militar, Polícia Militar, Polícia Civil e Instituto Geral de Perícias. Para ajudar a aquecer o inverno de outras famílias, os cobertores, mantas e edredons, novos ou usados, devem estar em condições de uso e higienizados.

Clique aqui para ler a matéria
Drive Thru da Rede Laço arrecada mais de mil cobertores e 240 itens para Pets

Em meio à maior onda de frio do ano, até agora no Estado, a campanha Cobertor Solidário arrecadou mais de mil cobertores numa ação especial, nesta quarta-feira, 30, em Florianópolis. Além da ajuda que será destinada a famílias em situação de vulnerabilidade, o drive thru que teve o ponto de coleta no Teatro do CIC também arrecadou itens para os pets. Para os animais, em parceria com a ONG Faça o Bem que Você Pode, a campanha vai destinar mais de 240 itens como casinhas, roupas, comida e travesseiros.

Para a primeira-dama do Estado e presidente da Rede Laço de Voluntariado, Késia Martins da Silva, a ação que marcou o encerramento da campanha em Florianópolis, nesta quarta-feira, 30, tem um significado especial. "O frio intenso que chegou ao estado só reforçou o quanto é importante nos unirmos para cuidar de quem mais precisa. Foi mais de um mês de arrecadações em todos os municípios, com a ajuda de muitos parceiros. Hoje foi um momento muito especial, de concretizar o trabalho pelo bem das pessoas e estende-lo aos animais que também ficam expostos às baixas temperaturas. Só agradecer a todos que apoiaram a campanha", enaltece Késia Martins da Silva.

O drive thru durou quatro horas. A iniciativa contou com a participação especial de órgãos do Governo do Estado que arrecadaram as doações internamente e aproveitaram para fazer as entregas à Rede Laço na ação desta quarta-feira. As forças de segurança de Santa Catarina também levaram cobertores até o ponto de coleta, em Florianópolis. A comunidade ainda contribuiu com agasalhos e outros itens.

Os cobertores arrecadados foram entregues à prefeitura de Florianópolis e os itens para pets à ONG parceira da campanha. Em todo o estado, as prefeituras vão encaminhar as doações a pessoas e instituições que farão a distribuição às famílias que mais precisam. "A sensação do dever cumprido nos motiva a continuar trabalhando para ser essa ponte que une as pessoas em favor do bem", conclui a primeira-dama, Késia Martins da Silva.

Clique aqui para ler a matéria